Notícias

Desde 1995, o dia 16 de Novembro é celebrado em todo o mundo como o Dia Internacional da Tolerância, com base na Declaração de Princípios sobre a Tolerância da UNESCO. Apesar de na Guiné-Bissau a data nunca ter sido assinalada, todos concordam que este é um país de tolerância, de respeito pela diversidade.  

A Guiné-Bissau assinalou, no dia 24 de Outubro, 71 anos de existência da Organização das Nações Unidas com a inauguração de murais da paz e projecção de filmes em Bissau e nas regiões sobre os novos objectivos de desenvolvimento sustentável.

No dia 10 deste mês, o Movimento da Sociedade civil, o Movimento dos cidadãos livres, o Conselho Nacional da juventude e a Rede Nacional das associações juvenis lançaram uma campanha de educação cívica sobre a cidadania e a cultura democrática a nível nacional que conta com o apoio do UNIOGBIS.

Bissau 07 de Novembro (UNIOGBIS / PIU) – No final de uma visita de mediação a Bissau no dia 5 de Novembro, a Missão de alto-nível da Comunidade dos Países da Africa ocidental (CEDEAO) liderada pela Presidente da Autoridade dos Chefes de Estado da CEDEAO e de Governo e Presidente da Libéria, Ellen Johnson Sirleaf apelou aos líderes políticos que respeitem o Acordo de Conacri.

4 Novembro 2016 - A Guiné-Bissau vive numa profunda crise de governação desde 12 de Agosto de 2015, após a queda do governo liderado por Domingos Simões Pereira. Com esta situação, o país perdeu muitas oportunidades de negócio e de investimento, segundo os economistas. O apoio dos doadores internacionais, prometido na mesa redonda de Bruxelas de 2015 também foi suspenso. O impasse político arrastou o país para numa crise socioeconómica sem precedentes e o povo receia uma nova guerra civil no país. 

New York / Bissau, 20 de Outubro (UNIOGBIS / PIU) - O Representante Especial do Secretário-Geral e Chefe do Escritório Integrado para a Consolidação da Paz das Nações Unidas na Guiné-Bissau (UNIOGBIS), Modibo Ibrahim Touré, informou hoje os membros do Conselho de Segurança sobre o diálogo inclusivo entre os líderes políticos, a sociedade civil e as comunidades religiosas da Guiné-Bissau, realizada em Conacri, entre 11 e 14 de Outubro.

O Secretário-Geral Adjunto das Nações Unidas, que é também Director do Escritório Regional para a África do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e Presidente do Grupo de Desenvolvimento das Nações Unidas (UNDG) para a África, Sr. Abdoulaye Mar Dieye terminou a sua visita à Guiné-Bissau, no dia 5 de outubro.

15 de Setembro – Em comunicado emitido ontem, o Representante Especial do Secretário-Geral na Guiné-Bissau, o Sr. Modibo Ibrahim Touré, congratulou-se com a assinatura, em Bissau, no dia 10 de Setembro de 2016, de um roteiro para a saída da crise política e afirmou que a ONU continua empenhada em ajudar o país nesta matéria.

Nova Iorque/Bissau, 04 de Setembro de 2016 (Nações Unidas) - Expressando uma séria preocupação com o impasse político em curso na Guiné-Bissau, o Conselho de Segurança das Nações Unidas pediu hoje, 04 de setembro, aos líderes desse país da África Ocidental, para encontrar uma solução para a crise e garantir um Governo funcional.

Páginas