Notícias

A Guiné-Bissau, tendo feito avanços cruciais para superar o seu impasse político de longa data, deve realizar eleições livres, justas e inclusivas, como previsto em novembro, ou correr o risco de fracionar o frágil progresso, enfatizaram hoje altos funcionários do Conselho de Segurança.

Hoje cerca das 15 horas, hora de Bissau*, o Representante Especial do Secretário-Geral da ONU e chefe do Gabinete Integrado de Consolidação da Paz da ONU na Guiné-Bissau (UNIOGBIS), José Viegas Filho, apresentará o relatório do Secretário-geral sobre a situação no país perante o Conselho de Segurança da ONU.

O parlamento da Guiné-Bissau aprovou hoje por unanimidade uma Lei para garantir uma quota mínima de 36% de representação das mulheres a ser respeitada em eleições ou nomeações para a Assembleia Nacional Popular e Governos Locais tendendo a alcançar a paridade.

De 24 a 27 de julho de 2018, o Conselheiro Militar do UNIOGBIS em parceria com o Estado-Maior General Forças Armadas Guineenses conduziu um seminário sobre Comunicação Social para cerca de 60 militares. O evento aconteceu no Clube das Forças Armadas e teve como objetivos partilhar boas práticas de relacionamento com a sociedade e os média e melhorar a divulgação das atividades das Forças Armadas.

O Presidente da Configuração para a Guiné-Bissau na Comissão da ONU para a Consolidação da Paz (PBC) e representante permanente do Brasil junto das Nações Unidas, terminou a sua visita a Bissau, confiante de que desde a sua última estada há um ano, houve um grande progresso em direção à normalização da situação política.

Cerca de meia centena de técnicos sénior representando os Órgãos de Soberania, instituições públicas, sociedade civil e entidades bancárias na Guiné-Bissau, estiveram reunidos na quarta-feira para analisar e identificar medidas de reforço à prevenção e combate ao tráfico da droga e outras formas de crime organizado transnacional.

As duas semanas do “Curso de Metodologia e Formação Didática de Formadores” centradas na Violência Eleitoral e Segurança (EVS) terminaram hoje no Gabinete das Nações Unidas para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau - UNIOGBIS . Os 30 participantes e facilitadores estavam felizes por terem alcançado suas expectativas e metas.

Para marcar o Dia Internacional contra o Abuso de Drogas e o Tráfico Ilícito – esta terça-feira (26) –, as Nações Unidas pediram a todos os países que promovam os serviços de prevenção, tratamento, reabilitação e reintegração, bem como garantir o acesso a medicamentos controlados. Na Guiné-Bissau continuou-se a campanha de prevenção nas escolas.

Páginas