Actualidades

Ao longo das três últimas décadas, a Organização das Nações Unidas tem comemorado o 11 de julho como Dia Mundial da População, sempre sob um determinado tema, para alertar o mundo sobre a urgência e importância das questões populacionais perante um mundo com recursos limitados.

Este ano, foi escolhido o tema “Planeamento Familiar: Empoderar as Pessoas, Desenvolvendo Nações” para chamar atenção de que, em todo o mundo, cerca de 225 milhões de mulheres que desejam evitar a gravidez, não estão usando métodos de planeamento familiar seguros e eficazes, por razões que vão de

14 jul 2017

Assinalou-se esta terça-feira, dia 20 de Junho o Dia Mundial do Refugiado, este ano subordinado ao tema: “Com os refugiados. Hoje, mais do que nunca, temos de estar ao lado dos refugiados”. Na Guiné-Bissau, a data foi comemorada em S. Domingos no norte do país onde vive o maior grupo de refugiados que há vários anos fugiram do conflito em Casamança.

A Comissão Nacional dos Refugiados garante que o país está empenhado na regularização da situação dos refugiados, observando o compromisso assumido na reunião de alto nível realizada em Genebra em 2011.

23 jun 2017

O relatório da ONU, que foi divulgado este mês em Genebra, na Suiça (Europa), e lançado na sexta-feira, em Bissau, revela que a implementação do direito à saúde na Guiné-Bissau enfrenta enormes desafios e pede uma reforma abrangente do sistema de saúde local.

Segundo o documento, questões como a “instabilidade política, a pobreza endémica, défices de prestação de contas, o acesso a alimentos, e

13 jun 2017

Desde o início da crise que se vive no país há cerca de dois anos, muitos esforços foram feitos pela Comunidade internacional, apelando as partes à promoção de um diálogo sincero e inclusivo, mediando e promovendo reuniões quer a nível interno como externo com o objectivo de ser encontrada uma solução duradoura para a crise.

Iniciativas idênticas têm sido levadas a cabo organizações da sociedade civil, femininas, religiosas, juvenis, todas elas empenhadas no esforço para acabar com a crise político-institucional ainda persistente.

13 jun 2017

Os membros do Conselho de Segurança expressaram hoje a sua profunda preocupação com a longa crise política e institucional na Guiné-Bissau, resultado da incapacidade dos atores políticos de chegarem a uma solução duradoura e consensual, levando à paralisação atual.

Felicitando os esforços e a liderança da CEDEAO numa declaração à imprensa, o Conselho de Segurança congratulou-se com a visita efectuada em 23 e 24 de Abril da sua missão ministerial de alto nível a Bissau com o objectivo de avaliar e avaliar o estado da implementação do Acordo de Conacri , os m

11 mai 2017

No Dia Mundial de Luta contra a Malária, também conhecida por paludismo, o coordenador do Programa Nacional de Luta contra esta doença, Paulo Djata afirma que “Se as medidas de prevenção continuarem, a taxa de prevalência do paludismo pode baixar ainda mais”. O Dia Mundial de Luta contra o Paludismo, foi celebrado no dia 25 de abril, sob o lema: “Acabar com a Malária para o Bem”.

Segundo especialistas, na Guiné-Bissau, o paludismo é uma doença endémica de transmissão estável e de prevalência elevada, sendo responsável por muitas vítimas mortais.

02 mai 2017

Desde a assinatura do acordo de Conacry, em setembro de 2016, a situação política na Guiné-Bissau entrou num estado “de impasse” em que os atores políticos não se coabitam, não dialogam e trocam acusações, o que na opinião de muitos guineenses e da comunidade internacional, é preocupante esta situação que não tem fim previsto.

A comunidade internacional continua a fazer esforços para o diálogo como forma de resolver a crise guineense negociando com as partes envolvidas no cumprimento do acordo de Conacry.

18 abr 2017

O tema deste ano do Dia mundial da Floresta - “O papel central das florestas no abastecimento energético das sociedades actuais e futuras” -não podia ser mais adequado para alertar que apesar de ter boas políticas de protecção, as florestas da Guiné-Bissau ainda continuam a correr riscos, nomeadamente, por causa da produção de energia.

A Guiné-Bissau dispõe de um rico património natural, com valores de biodiversidade de relevância mundial, que projecta o país na cena internacional, atraindo apoios para a conservação e para o desenvolvimento sustentável, com um enorme potencial para se transformar numa indústria ecoturística.

05 abr 2017

As cinco Organizações Internacionais, parceiras do processo de consolidação da paz na Guiné-Bissau, conhecidas como grupo P5 - União Africana ( UA), a Comunidade Económica dos Estados do Oeste Africano, (CEDEAO) a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a União Europeia (EU) e as Nações Unidas, (NU) - reuniram-se no dia 15 de março com o presidente Vaz, para manifestar a sua preocupação e trocar com ele algumas opiniões sobre o momento político que se vive no país.

À saida da reunião, que decorreu na Presidência da República, Ovídeo Pequeno, representante da UA, disse que os parceiros estão preocupados com a escalada verbal de ambos os lados, que avisam “a comunidade internacional não vai tolerar.” Logo a seguir, o grupo emitiu um comunicado no qual afirmam

21 mar 2017

No Dia Internacional da Mulher (WD) em Bissau, mulheres de todas as origens, status, credos e ofícios pediram empoderamento e mais inclusão no processo de tomada de decisão em todos os níveis do país.

Depois de uma semana de debates e workshops sobre o papel e a importância das mulheres na sociedade, o culminar foi no dia 8 de março no centro da cidade com uma marcha civil - passado nas ruas do centro da cidade, com a participação de mais de 500 mulheres vestidas de laranja, cartazes e produto

15 mar 2017

Páginas