Actualidades

Nos dias 14 a 17 de agosto, o UNIOGBIS, através do seu Assessor Militar, em parceria com o Estado-Maior General das Forças Armadas da Guiné-Bissau (EMGFA), organizou em Bissau, um seminário sobre missões de paz para mais de 60 elementos das Forças Armadas.

O curso teve como objetivo fortalecer às Forças Armadas como instituições democráticas, fortalecer a sua capacidade como órgão estatal para funcionar de forma eficaz e constitucionalmente, assistir os militares na promoção e proteção dos direitos humanos e apoiá-las na incorporação da perspetiva

21 ago 2018

O Presidente da Configuração para a Guiné-Bissau na Comissão da ONU para a Consolidação da Paz (PBC) e representante permanente do Brasil junto das Nações Unidas, terminou a sua visita a Bissau, confiante de que desde a sua última estada há um ano, houve um grande progresso em direção à normalização da situação política.

“Agora vemos uma normalização da política, no Parlamento, no governo, que geralmente está em pleno funcionamento e outro passo importante em direção à normalização total será a realização das próximas eleições de novembro”, disse Mauro Vieira no dia 26 de julho, no final da sua visita de dois dia

27 jul 2018

Cerca de meia centena de técnicos sénior representando os Órgãos de Soberania, instituições públicas, sociedade civil e entidades bancárias na Guiné-Bissau, estiveram reunidos na quarta-feira para analisar e identificar medidas de reforço à prevenção e combate ao tráfico da droga e outras formas de crime organizado transnacional.

No final dos trabalhos o grupo recomendou, entre outros, o apoio às reformas transformadoras dos setores de defesa, segurança e justiça, o investimento na formação de atores politicos e administrativos sobre o impacto do tráfico e consumo da droga na governação e na sociedade, que se operacionali

26 jul 2018

As duas semanas do “Curso de Metodologia e Formação Didática de Formadores” centradas na Violência Eleitoral e Segurança (EVS) terminaram hoje no Gabinete das Nações Unidas para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau - UNIOGBIS . Os 30 participantes e facilitadores estavam felizes por terem alcançado suas expectativas e metas.

O curso teve como objetivo melhorar a compreensão e a aplicação das leis eleitorais e o direito individual do eleitor a votar pelas forças de segurança designadas com a responsabilidade de manter a lei e a ordem para garantir a prevenção da violência eleitoral.

29 jun 2018

Para marcar o Dia Internacional contra o Abuso de Drogas e o Tráfico Ilícito – esta terça-feira (26) –, as Nações Unidas pediram a todos os países que promovam os serviços de prevenção, tratamento, reabilitação e reintegração, bem como garantir o acesso a medicamentos controlados. Na Guiné-Bissau continuou-se a campanha de prevenção nas escolas.

Na última década, a Guiné-Bissau foi apelidada por vários observadores como um “narcoestado”, tal a prevalência do tráfico de estupefacientes, nomeadamente cocaína oriunda da América do Sul com destino à Europa.

26 jun 2018

O presidente do Comité de Sanções da ONU estabelecido pela Resolução 2048 encontra-se na Guiné-Bissau para uma visita de dois dias com vista a obter em primeira mão as sanções impostas pela resolução 2048 do Conselho de Segurança (2012) e discutir os desenvolvimentos políticos na Guiné-Bissau.

Anatolio Ndong Mba, é Presidente do Comité de Sanções estabelecido pela Resolução 2048 e Representante Permanente da Guiné Equatorial junto da ONU.

26 jun 2018

O Fundo das Nações Unidas para a Consolidação da Paz (PBF) apresentou esta terça-feira, em Bissau, a carteira de projetos para a Guiné-Bissau, orçados num valor de 7.3 milhões de dólares americanos.

A carteira de projetos é constituída por cinco novos projetos que visam contribuir para a consolidação da paz na Guiné-Bissau, através da facilitação do diálogo político, do reforço dos setores da justiça formal e informal, da criação de um ambiente profissional e sensível ao conflito no seio dos

21 jun 2018

As mil mulheres que se juntaram no passado dia 25 de maio no primeiro fórum das mulheres e raparigas para a paz na Guiné-Bissau afirmaram que as mulheres guineenses têm potencialidades para lutar e vencer e fazer prevalecer a paz e a estabilidade que o país tanto almeja. Preocupadas com a situação política na Guiné-Bissau, apelaram à paz e pediram para serem ouvidas porque as suas vozes contam. A Subsecretária-Geral da ONU, Ana Maria Menendez, esteve presente, ouviu e deu o seu apoio.

Na sessão da abertura do Fórum, a Coordenadora do Conselho das Mulheres Guineenses (CMG), Francisca Vaz, garantiu que “a instabilidade cíclica vivida na Guiné-Bissau há vários anos contribuiu para a degradação contínua o tecido social, económico, ambiental e político, sobretudo na esfera das rapa

26 mai 2018

No dia 25 de maio, a Comissão Organizadora da Conferência Nacional - Caminhos para a paz e Desenvolvimento (COCN), apresentou aos deputados da Assembleia Nacional Popular (ANP), em Bissau, o seu relatório final baseado em auscultações efetuadas de 2007 a 2017. Intitulado “Em Nome da Paz” , o relatório recomenda reformas e diferentes modelos de processos de reconciliação. Agradecendo o relatório o presidente da ANP, Cipriano Cassama, afirmou que se as recomendações forem implementadas uma nova era de paz abre para a sociedade guineense.

“O título ‘Em nome da Paz’ reflete o reconhecimento de que o nosso povo, reclamando justiça e à verdade, decidiu lidar com o seu passado difícil, traduz um simbolismo forte e carrega todas as aspirações do povo e da sociedade guineense no seu anseio pela estabilidade, concórdia nacional, solidari

25 mai 2018

O UNIOGBIS está a promover uma série de seminários sobre liderança militar na Guiné-Bissau. O primeiro evento foi realizado nos dias 9 e 10 de maio de 2018, no clube das Forças Armadas em Bissau. Nos dias 16 e 17 de maio foi a vez dos oficiais do exército e nas próximas semanas o Conselheiro militar do UNIOGBIS dará a sua formação no quadro de um curso de oficiais já em curso. A formação abrange cerca de 100 militares.

O principal objetivo é compartilhar conhecimentos sobre abordagens de liderança militar e valores militares, deveres, responsabilidades e respeito pela Constituição.

17 mai 2018

Páginas